História

A história do rímel

Criado no século XIX pelo perfumista francês Eugene Rimmel, o rímel é instrumento poderoso na composição da maquiagem. Capaz de levantar qualquer olhar, ele tem função de engrossar, alongar e definir os cílios. Pode se apresentar em várias cores além do preto, que é o mais popular. Em 1917, o químico T.L. Williams criou a apresentação do produto como conhecemos hoje. A iniciativa veio de um pedido da irmã, Maybel, para que ele criasse uma embalagem que facilitasse o uso do produto. Este novo produto foi feito de uma mistura à base de vaselina e pó de carvão. O surgimento do tubo com bastão de aplicação tornou o produto ainda mais atrativo para o mercado do que a antiga pasta de rímel. O rímel possui em sua composição um pigmento hidrofóbico, um agente espessante solúvel em água, uma resina para a formação de película, umectante e água. Os bastões de aplicação…

História do batom

Base, corretivo, pó, rímel, sombra, delineador, batom. Tudo isso vocês já conhecem, não é? Mas já pararam para pensar onde surgiu a maquiagem? Quando as pessoas começaram a utilizar a pintura como artifício de embelezamento? Como foram desenvolvidos os cosméticos do jeitinho que conhecemos? É isso que vamos te contar! Toda semana a gente vem te apresentar um pouco da origem desses produtos imprescindíveis da sua necessaire. Hoje o tema é batom. Acompanha! Durante vários séculos, usar algo para coloris a boca era visto como uma referência à sensualidade e às más intenções. Estima-se que o costume de pintar os lábios tenha se iniciado na Mesopotâmia, por volta de 5.000 a.C.. Apenas as mulheres ricas dessa época utilizavam a pintura que era feita de uma tinta rara extraída de uma substância natural chamada púrpura da Tyr, encontrada apenas na cidade fenícia de Tiro. Algum tempo depois, ainda na civilização dos faraós, foi criada…

Navigate