Franquias do setor de alimentação Vs. Franquias do setor de beleza: vantagens e desvantagens

Quando o assunto é abrir o próprio negócio, as franquias são excelentes opções, principalmente para quem não quer iniciar do zero. Com tantos segmentos e tantas franqueadoras disponíveis no mercado, para muitos, o primeiro gatilho para chegar à escolha é procurar as que prometem menor valor de investimento e mais lucratividade. Nesse sentido, a ideia que vem à mente de muitos é adquirir uma franquia do ramo da alimentação, porém é preciso ter cuidado.

Muitos fatores devem ser analisados antes de bater o martelo, já que podem existir armadilhas ao longo do caminho. Apesar de parecer o mais atraente, o setor de alimentício sofre com muitas desvantagens. Além da concorrência ser muito acirrada, por existirem milhares de opções para todos os tipos de refeição, encontrar mão de obra qualificada e enfrentar a rotatividade de funcionários podem ser outros grandes problemas. Eles comprometem diretamente o atendimento e a qualidade dos produtos vendidos.

Sem falar no peso da carga tributária sobre os insumos que pode impactar a sobrevivência do negócio. Lidar com exigências rigorosas envolvendo questões como as de controle sanitário e com grandes índices de perda devido à validade perecível e a fácil contaminação da matéria-prima são outros exemplos de entraves que causam enormes prejuízos para a franquia.

A influência do cenário econômico também pode impactar de maneira negativa. Em momentos de instabilidade financeira, como os que o Brasil tem atravessado nos últimos anos, as pessoas reduzem gastos e tendem a se alimentar mais em casa. Enquanto isso, o mercado da beleza tem nadado no sentido contrário. Os brasileiros dificilmente abrem mão dos cuidados com a aparência, mesmo em períodos de crise, e têm ficado cada vez mais exigentes. Daí, a necessidade crescente de produtos e serviços especializados.

Um estudo feito pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou que o brasileiro gasta mais com beleza do que com comida. Anualmente, são gastos 20,3 bilhões de reais com serviços de estética, segundo outro levantamento da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio/SP).

Com demanda de público crescente, mudanças de hábitos do consumidor exigindo serviços especializados, o mercado da beleza ganhou força e criou diferentes oportunidades dentro do segmento, abrindo a porta para vários nichos. Um dos pioneiros e com maior relevância nesse cenário é o nicho das sobrancelhas. Com baixo custo operacional, oferecendo serviços rápidos e resultados que encantam o público, as franquias desse tipo não param de aumentar.

Alta lucratividade, expansão constante, baixos índices de mortalidade, investimento acessível e suporte diferenciado são as principais vantagens que atraem milhares de investidores dia após dia.

Por isso, tome cuidado com as ofertas milagrosas! Quer entender mais sobre o mercado de franquias e beleza? Baixe grátis o nosso e-book FRANQUIAS: GUIA COMPLETO PARA A ESCOLHA DO SEU NEGÓCIO!

Leave A Reply

Navigate