Tendência demoiselle: madrinhas usam vestidos no mesmo tom

Baseado num costume muito tradicional em países da América do Norte e Europa, o “estilo demoiselle” vem caindo nas graças das noivas brasileiras. Diferente do que acontece lá fora, aqui no Brasil, são as madrinhas que se vestem de cores iguais. A presença da demoiselle propriamente dita ainda é um costume que engatinha por aqui. Por isso a referência a elas no nome do estilo.

Convidar demoiselles para acompanhar a noiva é um costume que nasceu na antiguidade romana. Na época, acreditava-se que espíritos ruins e invejosos rodeavam a noiva no dia de seu casamento e, para que esses espíritos não soubessem quem estava se casando, ela ia até o altar acompanhada de várias jovens de sua idade e com vestidos iguais ao seu. As demoiselles sempre significaram uma proteção para a noiva e é por isso que hoje, normalmente, suas amigas mais próximas são convidadas para esse papel.

Existem casos em que as cores dos trajes das damas adultas são diferentes, mas sempre em tons bem próximos uns dos outros. Entretanto, na maioria das vezes, os vestidos são da mesma cor, diferenciando-se sutilmente no modelo, de acordo com o gosto e conforto de cada dama. Mas eles também podem ser todos iguais na cor e no modelo. Isso varia muito de acordo com o gosto da noiva, pois, no fim das contas, ela é quem rege essa escolha.

Como no Brasil, o costume é que casais apadrinhem os noivos, não é raro ver também os padrinhos com gravatas que combinam com os vestidos de seus pares. Independente de cor, modelo e comprimento dos vestidos, as madrinhas são peças fundamentais na cerimônia de casamento. E essa homogeneidade nas cores dos vestidos das amigas dão um destaque especial à noiva. Sem falar nas fotos que ficam um arraso!

 

Marcações

Você também pode gostar

Deixe uma resposta